Instituto Soja Livre

4ª Conferência Internacional de Soja não Geneticamente modificada na Alemanha

Aconteceu em Bremen, na Alemanha, nos dias 30 e 31 de janeiro, a 4ª Conferência Internacional de Soja Não Geneticamente Modificada (4th International Non-GMO Soy Conference), realizada pela ProTerra Foundation.

Durante o evento, foram apresentados pelo Instituto Soja Livre os potenciais do estado de Mato Grosso - com atenção especial voltada para a proteção ambiental -, além dos desafios e metas do Instituto para a continuação e crescimento da produção de soja convencional, como a importância do prêmio ao produtor para a tomada da cadeia viva. Também foi apresentado o Soja Plus, programa de melhoria contínua de fatores ambientais, trabalhistas e sociais das propriedades agrícolas.

Entre os participantes, diversas ONGs e importantes representantes do setor supermercadista, que destacaram a crescente exigência por produtos - como o leite e o ovo - provenientes de animais alimentados com farelo de soja convencional no mercado europeu. Decorrente deste movimento, é evidente uma forte tendência de mudança na matriz de fornecimento de farelo de soja para a suinocultura no continente, principalmente na Alemanha, com a entrada de importantes players no mercado, a exemplo da Índia.

“A Europa segue com uma tendência de aumentar o consumo de soja convencional. [...] E isso pode aumentar diretamente a produção no Brasil em comparação com outros países. Uma coisa que nós cobramos muito aqui foi a manutenção dos prêmios ativos no Brasil; custa muito mais plantar soja convencional, então esse prêmio é importante para que o produtor se mantenha ativo”, afirma Endrigo Dalcin, presidente do Instituto Soja Livre.

“Os resultados da conferência foram bastante positivos para nós. A preferência pela soja convencional só cresce aqui fora, alavancando novas tecnologias e impulsionando toda a rede produtiva, especialmente na Europa. O Brasil tem potencial para suprir grande parte dessa demanda, tendo somente que divulgar mais agressivamente sua soja convencional, de preferência com uma missão permanente na União Europeia”, ressalta Bernardo Arnaud, diretor da NovaTero, que esteve no evento juntamente com a delegação do Instituto Soja Livre.

Confira matéria publicada no Canal Rural com depoimento completo de Endrigo Dalcin sobre o evento no link:

blogs.canalrural.uol.com.br/canalruralmatogrosso/2019/01/31/produtores-de-mt-veem-nova-oportunidade-de-mercado-para-soja-convencional-na-alemanha

O EVENTO

Nesta edição, a conferência foi a fundo sobre os riscos sociais e ambientais gerados pela semente de soja geneticamente modificada, apresentando soluções práticas para promover uma cadeia rastreável e sustentável de fornecimento de soja não-geneticamente modificada.

proterra-soy-conference.org

PROTERRA

A ProTerra é uma organização sem fins lucrativos que promove a sustentabilidade em todos os níveis do sistema de produção de rações e alimentos.

proterrafoundation.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *